sexta-feira, 15 de abril de 2016

Realidade...




Sinto a suavidade do mesmo sonho, o odor suave da mesma pele. Trinco os lábios onde reconheço o sabor dos mesmos beijos. Entrego-me ao beijo com os braços, a boca e o coração. Estremeço feliz.

Fecho os olhos e volto a sonhar.

8 comentários:

  1. Respostas
    1. Sandra Louçano: Há coisas simples e tão boas.

      Eliminar
  2. É bom voltar a sonhar!
    Também quero...

    Bjnhs e bons sonhos AC

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bruna: Mesmo nos meus piores momentos nunca deixo de sonhar. São os sonhos, os projectos, o continuar a acreditar que amanhã vai ser melhor, que amanhã é que vai ser que nos fazem seguir em frente de cabeça levantada apesar de todos os fracassos. Não deixes de sonhar, mesmo os sonhos impossíveis, enquanto sonhas estás feliz.
      Guarda para ti os teus sonhos.

      Beijinho cheio de mimo Bruna

      Eliminar

Diz aí nada ou coisa nenhuma.